segunda-feira, março 15, 2010



ESTADO DE GUERRA / HURT LOCKER

A tensão máxima que as condições físicas de aridez, desolação, arbitrariedade e desumanização introduzem.

A tensão do tempo materializada na tentativa em gerir a violenta dicotomia entre Kairos e Chronos.

A tensão do encontro com o Self que se abre, sem máscara, espoleado pela ansiedade, o imprevisto, o sofrimento cru.

A adrenalina, a superação e a relação viciosa com o cenário de guerra que impossibilita o regreso a uma vida civil sem aura, pique ou glória.

Uma realização de sucesso de Kathryn Bigelow primeira mulher a receber o óscar nesta categoria!

3 comentários:

  1. OK. Gostei. Vou ver o filme.
    bj

    ResponderEliminar
  2. O Cameron foi ultrapassado pela mulher. Estamos tramados isto depois da Beauvoir ficou muito competitivo!
    Gostei do filme, até o gato cheirava a guerra.
    Lembras-te do gato?

    ResponderEliminar
  3. Licinha obrigada!

    Sena
    O gato doeu no meu estômago. Uma grande representação do ESTADO de guerra!
    Esperto tu!
    bj

    ResponderEliminar